SPASCUPREEL COM 50 COMPRIMIDOS SUBLINGUAIS - HEEL



  

WhatsApp: (13) 99789-5297
De Segunda à Sexta das 9h às 17h 

Televendas: (13) 3036-7222 
De Segunda à Sexta-Feira das 9h às 17h 
CATEGORIAS:
PROMOÇÕES:

Biosole

OFERTA:

Matcha Sanavita


Início > Todos > SPASCUPREEL COM 50 COMPRIMIDOS SUBLINGUAIS - HEEL
SPASCUPREEL COM 50 COMPRIMIDOS SUBLINGUAIS - HEEL



clique na imagem para ampliar
 



Disponibilidade para envio: Imediata.

R$ 52,90  


 

Pague em até 3x no cartão

1 x R$ 52,90Total - R$ 52,90
2 x R$ 27,64Total - R$ 55,28 *
3 x R$ 18,70Total - R$ 56,10 *

  *Na compra parcelada deste produto com juros, é cobrada uma taxa de 1,99% ao mês.


Quer saber o valor do frete?
Entre com seu CEP    
   

Não era o que você procurava?
Envie-nos uma mensagem.

Gostou do produto?
Clique aqui e indique este produto para um amigo.



 

 
 
Características


SPASCUPREEL 50 COMPRIMIDOS

Citrullus colocynthis D4 + ASSOCIAÇÃO


Forma farmacêutica, via de administração e apresentação

Comprimidos sublinguais – Via oral – Frasco com 50 comprimidos.

Uso Adulto e Pediátrico

Composição

Cada comprimido contém: 30 mg de Citrullus colocynthis D4 trit.; 30 mg de Ammonium bromatum D4 trit.; 30 mg de Atropinum sulfuricum D6 trit.; 30 mg de Veratrum album D6 trit.; 30 mg de Magnesium phosphoricum D6 trit.; 30 mg de Gelsemium sempervirens D6 trit.; 15 mg de Passiflora incarnata D2 trit; 15 mg de Agaricus D4 trit.; 15 mg de Chamomilla recutita D3 trit.; 15 mg de Cuprum sulfuricum D6 trit.; e 60 mg de Aconitum napellus D6 trit.. Excipientes: estearato de magnésio e lactose.
 

Informações ao Paciente

 
Ação esperada do medicamento

O medicamento Spascupreel é preparado segundo a farmacotécnica homeopática, cujos métodos de diluição e de dinamização estão descritos na Farmacopéia Homeopática Alemã. Sua aplicação atende aos princípios da Homotoxicologia. Esta terapêutica considera as enfermidades como a expressão de uma resposta defensiva do organismo contra as homotoxinas endógenas e exógenas, ou o resultado de danos tóxicos que o organismo tenta compensar, com a finalidade de restabelecer dentro do possível a homeostase. Este novo conceito de tratamento nasceu na terapêutica homeopática, a qual está embasada no princípio da similitude, na lei de cura e na patogenia das substâncias medicamentosas descritas nas Matérias Médicas Homeopáticas, bem como, nos conceitos da imunologia. Considerando estes conceitos, o medicamento antihomotóxico Spascupreel atua nos espasmos da musculatura lisa (cólicas em geral).

 

Indicações do medicamento

Spascupreel é indicado nas cólicas dos órgãos de musculatura lisa, como estômago, intestino, vesícula biliar, útero e do trato urinário; e nos espasmos da musculatura estriada.

A indicação deste medicamento somente poderá ser alterada a critério do prescritor.


 

Modo de usar

“Antes de usar observe o aspecto do medicamento”. O comprimido de Spascupreel é branco a branco amarelado, podendo ocasionalmente existir pontos marrons amarelados, redondo, de superfícies planas, levemente adocicado e inodoro.

Você deve colocar os comprimidos embaixo da língua para ser dissolvido. Mantenha o frasco sempre fechado após o uso.

Crianças e adultos: 1 comprimido sublingual, 3 vezes ao dia. Nos casos agudos, tomar 1 comprimido a cada 15 minutos, por um período de 2 horas. Caso os sintomas persistam por mais de 2 dias ou se agravem, contate seu médico.

Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação do prescritor.

Não use medicamento sem o conhecimento do prescritor. Pode ser perigoso para sua saúde.

Siga a orientação do prescritor, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do prescritor.

Em caso de esquecimento de administração, não duplicar a quantidade de medicamento na próxima tomada.

Mantenha sempre a dose e a freqüência indicadas pelo prescritor ou o modo de tomar sugerido nesta bula.


Use o medicamento dentro do prazo de validade.

 

Riscos do medicamento - Advertências

Não deve ser utilizado se você por alérgico a qualquer componente da fórmula, inclusive aos componentes botânicos como a Chamomilla ou da família das compositae.

Este medicamento contém lactose. Em pacientes com intolerância a lactose, poderá surgir problemas gastrintestinais, ou ainda, um efeito laxante. Caso isto aconteça, suspenda o uso do medicamento e entre em contato com o seu médico ou o farmacêutico.

Informe ao prescritor o aparecimento de sintomas novos, agravação de sintomas atuais ou retorno de sintomas antigos, pois pode significar uma reação ao medicamento, que pode requerer uma nova orientação do seu médico.

Gravidez e lactação: este medicamento não deve ser utilizado durante a gravidez e a amamentação, exceto sob orientação médica. Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se ocorrer gravidez ou iniciar amamentação durante o uso deste medicamento.


Informe ao prescritor o aparecimento de reações indesejáveis.


 
Conduta em caso de superdose

Até o momento, não foram relatados casos de superdose durante o tratamento com Spascupreel.

A conduta nos casos de ingestão acidental e, ou ingestão acima da dose sugerida, ou prescrita, é observar o surgimento de alguma manifestação clínica, tais como: tontura, enjôo, náuseas e dor de cabeça e, caso isto aconteça, suspenda o uso do medicamento e procure o seu médico ou o farmacêutico.


 

Cuidados de conservação

Este medicamento deve ser armazenado em local seco e à temperatura ambiente (15 – 30°C), longe de qualquer tipo de fonte de calor e, ou umidade. Recomenda-se não deixar os medicamentos homeopáticos junto a aparelhos emissores de radiação, tais como rádio, TV, telefone sem fio e celulares, forno de microondas, etc..

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

PARA SUA SEGURANÇA, MANTENHA O MEDICAMENTO NA EMBALAGEM ORIGINAL ATÉ SEU USO TOTAL.

Contribua com o tratamento: relate ao prescritor todos os tratamentos que você já fez ou está fazendo. Atenda às sugestões do prescritor, para que seu tratamento seja eficaz.

Consulte um clínico regularmente. Ele avaliará corretamente a evolução do tratamento. Siga corretamente suas orientações.

Não observando o resultado esperado, consulte o prescritor ou farmacêutico.

O uso inadequado do medicamento pode mascarar ou agravar sintomas.

Não se automedique, pode ser prejudicial à sua saúde e dificultar o diagnóstico correto do médico.

 

Informações Técnicas ao Profissional de Saúde

Este medicamento é antihomotóxico.

 
Características Farmacológicas

Spascupreel é um medicamento preparado segundo a farmacotécnica homeopática, cujos métodos de diluição e de dinamização estão descritos na Farmacopéia Homeopática Alemã. Os princípios ativos presentes na formulação deste medicamento estão descritos nas Matérias Médicas Homeopáticas. Sua aplicação atende à Homotoxicologia, uma terapêutica que considera as enfermidades como as expressões de uma resposta defensiva do organismo contra as homotoxinas endógenas e exógenas, ou o resultado de danos tóxicos que o organismo tenta compensar, com a finalidade de restabelecer dentro do possível a homeostase. A Homotoxicologia está baseada nos princípios da Homeopatia aplicados ao conhecimento da cibernética e da imunologia e integrados ao conceito médico da patologia humoral de Hipócrates, da patologia solidária de Giorgio Baglivi, (os responsáveis pelas enfermidades devem ser os elementos integrantes do organismo como portadores de vida que são, ou como causas, e não uma mescla confusa de humores: sangue, fleuma, bilis amarela e negra), os conceitos da patologia celular de Rudolf Virchow (1858) e os da patologia molecular ligada aos nomes de H. Schade e P. Grawitz (1946).

Este complexo foi elaborado de acordo com o Principio do Efeito Inverso descrito por Arndt-Schutz, também denominado Lei Biológica Básica, que estabelece que “estímulos fracos provocam a atividade vital; estímulos médios aumentam a atividade vital; estímulos fortes detêm a atividade vital e estímulos muito fortes destroem a atividade vital”, e o Princípio de Bürgi que estabelece que “Duas substâncias que provocam a mesma alteração funcional, respectivamente e que eliminam o mesmo sintoma da doença, somam-se em suas atuações quando possuem os mesmos pontos de atuação e se potencializam quanto estes são distintos”. Portanto as substâncias que compõem este complexo foram selecionadas tendo por base a patogênesia descrita nas Matérias Médicas e sua indicação está embasada nas atividades dos componentes homeopáticos individuais, descritos em matérias médicas homeopáticas.

Citrullus colocynthis  – o paciente sente gosto muito amargo na boca. A língua fica áspera como areia e com aumento salivar. Sente muita fome. Sente algo no estômago, como uma dor sendo extraída.  Constrições e contrações. Dor agonizante no abdômen, fazendo com que o paciente dobre o corpo, é a maior característica. O paciente tem a sensação como se pedras estivessem sendo moídas junto ao abdômen, como se este fosse estourar. Queimação intensa ao longo da uretra durante a evacuação. Tenesmus da bexiga. Dores ao urinar no abdômen inteiro.

Ammonium bromatum – para dor constritiva na cabeça, no tórax e nas pernas.

Atropinum sulfuricum – para espasmos e convulsões. Enurese. Epilepsia. Ataxia locomotora. Micção freqüente. Involuntária, mas escassa; enurese noturna. Dor cortante no ovário, contorcendo-se ou dobrando-se.

Veratrum album – o paciente tem a sensação de frio no estômago e no abdômen. Dor no abdômen precedendo à evacuação. Cólicas que vão do abdômen e se estendem às pernas. Sensação como se uma hérnia se projetasse do corpo. Abdômen sensível à pressão, inchado e com intensa cólica.

Magnesium phosphoricum – para os soluços, com tentativas de vômito de dia e à noite. Desejo por bebidas muito frias. Enteralgia, aliviado pela pressão. Cólica flatulenta, forçando o paciente a dobrar-se; acompanhado com eructação de gás, que não dá nenhum alívio. Sensação do abdômen completamente inflado.

Gelsemium sempervirens – em regra geral, o paciente de Gelsemium não quer soluçar; piora a noite.  Sensação de vazio e de fraqueza no estômago, ou de uma opressão, como uma carga pesada. Diarréia de causa emocional, medo de má notícia. Fezes indolores ou involuntárias, cremosa, colorida como chá-verde. Paralisia parcial do reto e do esfíncter. Urina abundante, límpida e aquosa, com calafrio e tremedeira. Disúria, paralisia parcial da bexiga; fluxo intermitente. Retenção.

Passiflora incarnata – um eficiente antiespasmódico. Sentimento melancólico, inoperante após ou entre refeições; flatulência e eructações azedas.

Agaricus – distúrbios nervosos, com contrações espasmódicas, soluços. Fome não natural. Distensão flatulenta do estômago e do abdômen. Flatulência inodora e profusa. Queimação no estômago aproximadamente três horas após uma refeição, mudando para uma pressão maçante. Distúrbios gástricos com dores afiadas na região do fígado. Dor na região do fígado, no baço e no abdômen. Pontadas sob as costelas, lado esquerdo. Diarréia com flatulência muito fétida. Fezes fétidas. Pontadas na uretra. Incitar repentino e violento ao urinar. Micção freqüente.

Chamomilla recutita – nas eructações grosseiras. Náuseas depois do café. Sudorese após comer ou beber.  Aversão a bebidas quentes. Língua amarela; gosto amargo. Vômito bilioso. Sobe sabor ácido; regurgitação do alimento. Vômito amargo e bilioso. Gastralgia opressiva, como de uma pedra. Estômago distendido. Aperto na região do umbigo e uma dor na pequena parte traseira. Cólica flatulenta, após a raiva, com mordentes vermelhos e perspiração quente. Cólica hepática. Duodenitis aguda.

Cuprum sulfuricum – na náusea excessiva; retorno forçoso do vômito de tempo em tempo; vômito mucoso, marrom esverdeado. Uma dor violenta no estômago seguida por uma fraqueza. Dor cortante no hipocondríaco, na inspiração, dolorosa no toque como se estivesse escoriado. Fígado aumentado.  Pressão no abdômen. Fezes marrom-avermelhadas, com traços de sangue e dificuldade para defecar durante a evacuação. Constipação.

Aconitum napellus – vomitando com medo, calor, suor profuso e aumento da urina. Desejo por água fria. Gosto por tudo amargo exceto pela água. Desejo intenso: por bebidas, vômitos, e declarado que vai morrer. Vômito bilioso, mucoso e sanguinolento, esverdeado. Pressão no estômago com dispnéia.  Hematêmese. Queimação do estômago ao esôfago. Abdômen quente, tenso, sensível ao toque. Cólica, sem nenhuma posição para o alívio. Os sintomas abdominais melhoram após tomar uma sopa morna. Queimação na região umbilical. Dor com prurido noturno no ânus. Freqüentes e pequenas evacuações com dificuldade para defecar; verde, como ervas cortadas. Urina branca com traços vermelhos. Descarga colérica com colapso, ansiedade e nervosismo. Hemorróida com sangramento. Urina escassa, vermelha, quente e dolorosa. Dificuldade para defecar e queimação na região da bexiga. Queimação na uretra. Urina suprimida e sangrenta. Ansiedade sempre a começar a urinar. Retenção, com gritos, nervosismo, e manipulação dos genitais. Região renal sensível. Urina profusa, com perspiração e diarréia profusa.

Baseado nos constituintes individuais de Spascupreel, este complexo apresenta efeito espasmolítico nos órgãos de musculatura lisa (trato gastro intestinal, vesícula biliar, genito urinário e respiratório). Está indicado para o tratamento sintomático de enfermidades que cursem com espasmos da musculatura lisa e, ou estriada, como, por exemplo, colecistite, dismenorréia, tenesmo vesical, ulcera gastro e, ou duodenal, colite, cólica renal, asma, bronquite, espamos de laringe, enxaqueca, dor muscular de causa espástica.


 
Indicações do medicamento

Spascupreel é indicado nos casos de espasmos nos órgãos de musculatura lisa, como estômago, intestino, vesícula biliar, útero e do trato urinário; espasmos do músculo estriado (miogelosis, endurecimento dos músculos).

 
Contra-indicações

Este medicamento contém lactose, portanto é contra-indicado a pacientes hipersensíveis a esta substância.

Não deve ser utilizado em pacientes com hipersensibiliade a qualquer componente da fórmula, inclusive aos componentes botânicos como a Chamomilla ou da família das compositae.


 
Posologia sugerida

Crianças e adultos: 1 comprimido sublingual, 3 vezes ao dia. Nos casos agudos, tomar 1 comprimido a cada 15 minutos, por um período de 2 horas. Caso os sintomas persistam por mais de 2 dias ou se agravem o médico deve informar ao paciente para entrar em contato.

 
Advertências

Spascupreel está na categoria B de risco na gravidez. Este medicamento não deve ser utilizado durante a gravidez e a amamentação, exceto sob orientação médica.

As orientações e recomendações previstas na bula estão relacionadas à via de administração indicada. O uso por outras vias pode envolver risco e devem estar sob a responsabilidade do prescritor.

 
Armazenagem

Este medicamento deve ser armazenado em local seco e à temperatura ambiente (15-30°C).


VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

 

Produtos Relacionados


 

Avaliação de Lojas e-bit
Formas De Pagamento
Selos/Segurança

Newsletter

TECNOLOGIA
 

Facebook
AVISO IMPORTANTE 

Razão Social: Greghi & Paiva Ltda – CNPJ: 02.029.553/0001-00 IE: 633.215.767.110 IM: 148.518-7 Av. Pinheiro Machado, 633 - Santos - SP. Resp. Técnico : Rosangela Marques Greghi Santos – CFR/SP: 08638. Alvará de Func. 409.810 Aut. Func. ANVISA:134263-5, Lic. Sanitária SIVISA:354850020-477-000078-1-1 Todos os medicamentos sob prescrição médica só serão dispensados mediante a apresentação da receita médica via e-mail: vendas@farmaciacompletaemsaude.com.br.
 

2015 - FARMÁCIA COMPLETA EM SAÚDE - Todos os direitos reservados.
LiveZilla Live Chat Software